no1
Atualizado em 24/10/2022
Perda de dentes aumenta em 28% riscos de demência

A perda de dentes aumenta em 21% os riscos de desenvolver Alzheimer. É o que indica uma pesquisa da Universidade de Nova York. O levantamento também aponta que, quanto maior a quantidade de dentes perdidos – por doenças bucais ao longo da vida – maior a probabilidade de demências.

A pesquisa, que envolveu 34 mil pacientes, concluiu que os que haviam perdido dentes tinham 48% mais risco de impedimentos cognitivos e 28% maior risco de demência, se comparado aos indivíduos com todos os dentes.

O dentista, João Piscinini, destaca que a periodontite, doença na gengiva que compromete diretamente o suporte dos dentes, acomete mais de 10% da população mundial.

Desta  maneira, o especialista destaca que cada vez mais o implante dentário tem papel fundamental não só na autoestima, mas também na saúde.

Créditos: redeaerp/aquarela

Compartilhe com seus amigos!
no2

(46)3543-2679 / (46)3543-2611 / (46) 3543-4029

(46) 9-9933-3001 - pedido musical

opec@aquarelafm.radio.br / 46- 9-9915-3813 Comercial

Av. Bruno Zution, 2912, Centro, Realeza - Paraná / Caixa Postal 101