no1
08/12/2021
Inter fecha 2021 com o pior aproveitamento no Beira-Rio na era dos pontos corridos

O Inter encerra 2021 com o pior aproveitamento no Beira-Rio na era dos pontos corridos do Brasileirão. Nem mesmo no ano do rebaixamento, em 2016, o time deixou tantos pontos pelo caminho em sua casa. Só em 2013, quando o estádio passou por reforma para a Copa do Mundo, o time teve um rendimento pior como mandante. Os dados são do Espião Estatístico*.

Em 19 rodadas, o time somou 30 pontos. Venceu oito partidas, empatou seis e perdeu cinco. Marcou 22 gols e sofreu sete. A campanha seria ainda pior sem os números de Diego Aguirre. Até a chegada do técnico uruguaio, o time empatou duas vezes e perdeu uma. Com Aguirre, o time fez todas as vitórias como mandante, empatou quatro e perdeu quatro.

Com alguns clubes ainda por completar os 19 jogos como mandante, o Inter pode perder ainda mais uma posição no ranking do Brasileirão 2021. Caso o Juventude pontue na partida com o Corinthians, o Colorado vai de 10º colocado para 11º.

 

O retrospecto do Inter como mandante:
 
 

2021 - 53%
2020 - 72%
2019 - 68%
2018 - 81%
2017 - 68% (Série B)
2016 - 56%
2015 - 79%
2014 - 79%
2013 - 49% (sem o Beira-Rio)
2012 - 54%
2011 - 63%
2010 - 60%
2009 - 70%
2008 - 75%
2007 - 67%
2006 - 63%
2005 - 68%
2004 - 71%
2003 - 70%

Créditos: Vanderléia/g1/aquarelafm

Compartilhe com seus amigos!
no2

(46)3543-2679 / (46)3543-2611 / (46) 3543-4029

(46) 9-9933-3001 - pedido musical

opec@aquarelafm.radio.br / 46- 9-9915-3813 Comercial

Av. Bruno Zution, 2912, Centro, Realeza - Paraná / Caixa Postal 101